Archives de l’auteur : Cyril Isnart

Atores e objetos do património religioso no Mediterrâneo, Madrid, 6-7 de Março 2014

Atores e objetos do património religioso no Mediterrâneo
Jornadas de Estudo do Projecto Merap-Med

6-7 de Março 2014

Coord.: Nathalie CEREZALES (Université Paris 1), Cyril ISNART (CIDEHUS, Universidade de Évora)

Org.: Centro Interdisciplinar de História, Sociedades e Culturas da Universidade de Évora, École des Hautes Études Hispaniques et Ibériques (Casa de Velázquez, Madrid), Centro em Rede de Investigação em Antropologia (Faculdade das Ciêncas Sociais e Humanas, Universidade Nova de Lisboa, Lisbonne), Institut d’Ethnologie Méditerranéenne, Européenne et Comparative, UMR 7307, Aix-en-Provence, Temps, Espaces, Langages, Europe Méridionale – Méditerranée, UMR 7303, Aix-en-Provence, Équipe d’accueil 4100 Histoire culturelle et sociale de l’art – École doctorale d’histoire de l’art-Paris 1 Panthéon-Sorbonne.

No âmbito do programa Memorias religiosas e ação patrimonial no Mediterrâneo. Coexistência confessional e afirmação patrimonial, Fundação para a Ciência e a Tecnologia (PTDC/IVC-ANT/4033/2012)

Lugar de celebração:
Casa de Velázquez
C/ de Paul Guinard, 3
28040 Madrid

Apresentação

O projeto MERAP-MED, juntando antropólogos, historiadores, geógrafos e historiadores de arte, tem como objetivo propor uma reflexão comparativa sobre as construções e encenações patrimoniais das identidades religiosas no contexto multiconfessional do Mediterrâneo. Estes primeiros dias de estudo analisam as ações dos atores públicos e/ou religiosos afim de fortalecer ou construir a sua legitimidade. Trata-se de questionar as novas modalidades de patrimonialização dos objetos religiosos, e, nomeadamente, as suas significações inéditas criadas no âmbito museológico e das politicas culturais. O património de origem religiosa torna-se um suporte das memórias coletivas e das reivindicações identitárias e serve a difusão das representações das comunidades confessionais, em particular no contexto do turismo cultural. Porém, revela também as oposições entre diferentes grupos religiosos e cristaliza alguns conflitos interconfessionais. Analisar as interações entre os objetos e os seus atores permitirá pensar de maneira renovada o tema da coexistência e da partilha dos espaços sociais, memoriais e religiosos entre os diferentes monoteísmos mediterrânicos.

Programa

QUINTA-FEIRA 6 DE MARÇO
16h-18h

Abertura
Michel BERTRAND
Directeur de la Casa de Velázquez

Introdução
Cyril ISNART
CIDEHUS (Universidade de Évora)
Penser le patrimoine religieux en Méditerranée ?

Crispin PAINE
Institute of Archaeology (University College London)
Religion and Museums: an Uncomfortable Fit?

SEXTA-FEIRA 7 DE MARÇO
10h-13h30

Pierre SINTES
TELEMME (UMR 7303, Aix-Marseille Université)
Reprise de mémoire juive à Rhodes : pluralité de discours, pluralité d’échelles des promoteurs d’une minorité disparue

Nathalie CEREZALES
Université de PARIS 1
Entre religiosité populaire et valeur patrimoniale: le cas des Pasos du Musée national de sculpture à Valladolid

15h30-17h
André JULLIARD
CNRS / IDEMEC (UMR 7307, Aix-Marseille Université)
Les politiques de développement comme processus de patrimonialisation des pèlerinages à St Nicolas de Myre (Italie et Turquie)

 

Fotografia: À Procura de Deus [em Portugal] por Duarte Silva

Sobre a diversidade religiosa no Porto

Duarte Silva

Texto do site de Duarte Silva

Trabalho fotográfico subordinado ao tema religião e à forma como três religiões diferentes promovem as suas celebrações. Através de conjuntos de três imagens são mostradas as singularidades e semelhanças das vivências da Igreja Ortodoxa, Muçulmana e Sikh no Porto.

http://duartesilva.pt/

Séminaire Dynamiques de patrimonialisation des sites et des rituels religieux

Dynamiques de patrimonialisation des sites et des rituels religieux

Sossie ANDÉZIAN, CR CNRS, IIAC-LAHIC ; Christian DÉCOBERT, DR CNRS, LEM-EPHE ; Anna POUJEAU, post-doctorante Labex HASTEC, CEIFR

Mercredi 5 février, 13h-16h, Bât Le France : (attention ! changement de salle : Salle du Conseil B, R-1, noyau A)

Dominique TRIMBUR, chercheur associé au Centre de recherche français de Jérusalem, qui interviendra sur le thème:

Le patrimoine national et religieux français de Jérusalem : enjeux passés et présents

Voisiner, transformer, espérer. Interactions sociales et institutionnelles dans les régions frontalières des Balkans

Voisiner, transformer, espérer
Interactions sociales et institutionnelles dans les régions frontalières des Balkans

Ecoles militaires de Saint-Cyr – EfA – ENS-LSH – IDEMEC – TELEMME

Atelier et journée d’études

29 novembre 2013

9h00h-13h00
Journée d’études
Salle Paul-Albert Février

9h00-11h15
Processus institutionnels et transformations sociales
Présidence : Sylvie Daviet, TELEMME/AMU

Pierre Sintès, TELEMME/AMU
Introduction

Amaël Cattaruzza, CERC/Ecoles militaires de Saint Cyr
« Bosnie-Herzégovine, Kosovo : les limites du « state-building » européen ? »

Morgane Dujmovic, TELEMME/MMSH
Mise en œuvre d’un dispositif institutionnel : le contrôle migratoire de l’UE en Croatie

Emmanuelle Boulineau ENS-LSH
Les jumelages internationaux des villes de la Mer Noire, facteurs de transformations d’un voisinage européen?

11h30-13h00
Expériences de la frontière et dynamique de voisinage à travers des exemples de coopération transfrontalière

Cyril Blondel,
Faire semblant, est-ce suffisant? Les réappropriations locales du programme européen de coopération transfrontalière Croatie-Serbie

Olivier Givre CREA/Université Lyon 2 & Jean Gardin LADYSS/Université Paris 1
« Construire le transfrontalier, entre cadres d’action et questions de recherche. Retours sur une recherche commanditée sur les programmes transfrontaliers (IPA) entre Grèce, République de Macédoine et Albanie »

Après midi

14h-17h30
Réunion prospective
Etudier les transformations sociales dans les Balkans contemporains
Salle 04

Présidence : Gilles de Rapper (IDEMEC/MMSH)

14h30-15h30
Présentation des programmes en cours

Cyril Isnart (CIDEUS, Université d’Evora)
Religious Memories and Heritage Practices in the Mediterranean. Confessional Coexistence and Heritage Assertion
Fundação para a Ciência e a Tecnologia, Portugal

Emmanuelle Boulineau (UMR , ENS-LSH)
Integrated Territorial Analysis of the Neighbourhoods
Espon Applied Research Project, Commission européenne

Olivier Givre (CREA, Université Lyon 2)
Communautés religieuses, processus patrimoniaux et enjeux mémoriels en Méditerranée et dans les Balkans
CNRS INSHS & réseau MSH

Pierre Sintès (UMR TELEMME, Université Aix-Marseille)
« Globalisation » et « européanisation » dans les Balkans contemporain
Ecole française d’Athènes

15h30-17h00
Discussion sur les appels d’offre en cours et les projets futurs

Liste des invités :
Cyril Blondel (Université de Tours), Amaël Cattaruzza (CERC, Ecoles militaires Saint-Cyr), Clément Corbineau (ENS-LSH), Morgane Dujmovic (TELEMME/MMSH), Jean Gardin (Université Paris I), Olivier Givre (Université Lyon 2), Laurence Pillant (TELEMME/MMSH), Gilles de Rapper (IDEMEC/MMSH), Ljijlana Zelkovic (IDEMEC/MMSH)

Communication: The heterogeneity of the Virgin Mary’s House in Ephesus

ephese02 212A muslim woman in front of the Virgin Mary’s house (c) MP 2010

Manoël Pénicaud (IDEMEC – MUCEM)

The heterogeneity of the Virgin Mary’s House in Ephesus: a shrine shared by Christians, Muslims and others

The House of Virgin Mary, located near to Ephesus (Turkey) is one of the presumed scenes of her Assumption. The site of Meryemana was discovered in the 1880s by French Catholic missionnaries, based on the ecstatic visions of the saint Anna-Katharina Emmerich (18th century). Then it was recognized as a shrine by the Vatican in 1896. After a process of restauration, the site was declared “national” by the Turkish government in 1951 and became an important pilgrimage center just after the proclamation of the Assumption’s dogma. But its specificity is that it was spontaneously visited by many Muslims according to their devotion to the mother of the prophet Issa (Jesus).

Nowadays, the shrine is international : thousands of pilgrims come from all over the world to visit the last house of Mary. It is still shared by Christians and Muslims, but also by tourists and non-believers. This holy space has became a high place of international, interreligious.

According to the anthropological theory about pilgrimages (Eade and Salnow, 1991) and shared shrines (Albera and Couroucli, 2009), this paper will focus on its heterogeneity and on its process of construction. It will be based on ethnographic fieldworks (2004-2011) and on historical approach (archives of the Christian monastery).

Paper presented at the MEDNET SCIENTIFIC WORKSHOP 31 Oct. – 3 Nov. 2013
European Association of Social Anthropologists
‘Connecting spaces, constructing places, constituting memories: Comparative approaches in the anthropology of the Mediterranean’

Bolsa de investigação 1 – Base de dados lugares de culto no sul de Portugal

 

Anúncio para atribuição de uma Bolsa de investigação para Licenciado (BI para Licenciado) no âmbito do projeto PTDC/IVC-ANT/4033/2012

18 de Outubro de 2013

Encontra-se aberto concurso para a atribuição de uma Bolsa de Investigação para Licenciado no âmbito do projeto “MERAP-MED. Memorias religiosas e ação patrimonial no Mediterrâneo. Coexistência confessional e afirmação patrimonial » com referência FCT “PTDC/IVC-ANT/4033/2012” , financiado por fundos nacionais através da FCT/MCTES e cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do COMPETE – Programa Operacional Fatores de Competitividade (POFC), nas seguintes condições:

Área Científica:

História

Requisitos de admissão:

Licenciatura em História

Factores preferenciais:

Conhecimentos e experiência na construção e programação de bases de dados;

Conhecimentos na área de Sistemas de Informação Geográfica (SIG) Open Source

Experiência em leitura cartográfica e topográfica e em registo fotográfico;

Capacidade de pesquisa bibliográfica, análise documental e boa expressão escrita.

 

Plano de trabalhos :

Trabalho de pesquisa em bibliografia e documentação em Portugal sobre os sítios sagrados patrimonializados no sul do País (Alentejo, Algarve)

Criação, preenchimento e gestão de base de dados

 

Objectivos:

Criação e gestão de uma base de dados sobre os lugares sagrados patrimonializados no sul de Portugal

 

 

Legislação e regulamentação aplicável : A concessão da Bolsa de Investigação será realizada mediante a celebração de um contrato entre a Universidade de Évora e o bolseiro, nos termos do Regulamento de Bolsas de Investigação da Universidade de Évora (Ordem de Serviço nº1/2011), Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica (Lei nº40/2004 de 18 de agosto e decreto-lei nº 202/2012 de 27 de agosto) e de acordo com a legislação e Regulamento de Formação Avançada e Qualificação de Recursos Humanos da FCT.

 

Local de trabalho : O trabalho será desenvolvido no(a) CIDEHUS e nos locais a designar, sob a orientação científica da Antónia Fialho Conde.

 

Duração da(s) bolsa(s) : A bolsa terá a duração de 3 meses, com início previsto em Fevereiro de 2014. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao máximo de 3 meses.

 

Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsacorresponde a € 745,00, conforme tabela de valores das bolsasatribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País(http://alfa.fct.mctes.pt/apoios/bolsas/valores ), sendo os pagamentosefetuados mensalmente, através de cheque ou transferência bancária.

 

Métodos de seleção: Os métodos de seleção a utilizar contemplarãoa avaliação curricular e a realização de uma entrevista.

 

Parâmetros de avaliação:

Grau académico em História(A)

Média final de Licenciatura (B)

Experiência de criação e gestão de base de dados (C)

Conhecimentos nas áreas de património e cultura do sul de Portugal (D)

Entrevista (E)

 

Peso relativo na avaliação final

 

A : 20%

 

B: 15%

 

C: 25%

 

D: 15%

 

E: 25%

 

Todos os parâmetros serão valorados numa escala de zero a cinco valores.

 

Composição do Júri de Seleção :

 

Presidente: Cyril Isnart (UE-CIDEHUS)

 

1º Vogal efetivo: Antónia Fialho Conde (UE-CIDEHUS)

 

2º Vogal efetivo: Ana Cardoso do Matos (UE-CIDEHUS)

 

1º Suplente: Filomena Barros (UE-CIDEHUS)

 

2º Suplente: Fernando Branco (UE-CIDEHUS)

 

Forma de publicitação/notificação dos resultados : Os resultadosfinais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada pornota final obtida afixada em local visível e público do CIDEHUS, noPalácio do Vimioso da Universidade de Évora, sendo o candidato(a)aprovado(a) notificado através de ofício.

 

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas : Oconcurso encontra-se aberto no período de 15 de Novembro de 2013 a 29 de Novembro de 2013 e os resultados da seleção serão publicados até 2 de Janeiro de 2014.

 

As candidaturas devem ser formalizadas, obrigatoriamente, através doenvio de carta de candidatura acompanhada dos seguintes documentos:Curriculum Vitae, certificado de habilitações, exemplo de realizaçãode base de dados.

 

As candidaturas deverão ser remetidas por correio ou e-mail para

 

Cyril Isnart

CIDEHUS da Universidade de Évora

Palácio do Vimioso

Apartado 94, 7002-554, Évora

e-mail: isnart@uevora.pt

 

Bolsa de investigação 2 – Judeus no Marrocos

Atribuição de uma bolsa de investigação para Mestre (BI para Mestre)

18 de outubro de 2013

Encontra-se aberto concurso para a atribuição de uma Bolsa de Investigação para Mestre no âmbito do projeto “MERAP-MED. Memórias religiosas e ação patrimonial no Mediterrâneo. Coexistência confessional e afirmação patrimonial » com referência FCT “PTDC/IVC-ANT/4033/2012” e referência “FCOMP-01-0124-FEDER-029301”, financiado por fundos nacionais através da FCT/MCTES e cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do COMPETE – Programa Operacional Fatores de Competitividade (POFC), nas seguintes condições:

Área Científica: Antropologia

Requisitos de admissão: Mestrado em Antropologia

Fatores preferenciais:

  • Experiência de trabalho de campo em contextos árabes e islâmicos africanos e/ou norte africanos
  • Experiência de investigação em Antropologia social e cultural
  • Conhecimentos de Árabe Dialectal Marroquino

Plano de trabalhos:

  • Trabalho de pesquisa em bibliografia secundária e documentação, publicada e inédita em Portugal e no estrangeiro
  • Trabalho de campo etnográfico em Marrocos

Objetivos:

  • Conduzir pesquisa documental e etnográfica sobre atividades culturais comunidades judaicas de Marrocos: 60%
  • Participar na organização de encontros e eventos no âmbito do projeto: 20%
  • Participar na publicação conjunta de um artigo em revista científica internacional sobre património partilhado em Marrocos: 20%.


Legislação e regulamentação aplicável:
A concessão da Bolsa de Investigação será realizada mediante a celebração de um contrato entre a Universidade de Évora e o bolseiro, nos termos do Regulamento de Bolsas de Investigação da Universidade de Évora (Ordem de Serviço nº1/2011), Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica (Lei nº40/2004 de 18 de agosto e decreto-lei nº 202/2012 de 27 de agosto) e de acordo com a legislação e Regulamento de Formação Avançada e Qualificação de Recursos Humanos da FCT.

Local de trabalho: O trabalho será desenvolvido no CIDEHUS e no CRIA e no local de pesquisa etnográfica, sob a orientação científica de Maria Cardeira da Silva e Cyril Isnart.

Duração da bolsa: A bolsa terá a duração de 6 meses, com início previsto em janeiro de 2014. O contrato de bolsa poderá ser renovado até ao máximo de 6 meses.

Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa corresponde a € 980,00, conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://alfa.fct.mctes.pt/apoios/bolsas/valores), sendo os pagamentos efetuados mensalmente, através de cheque ou transferência bancária.

Métodos de seleção: Os métodos de seleção a utilizar contemplarão a avaliação curricular.

Parâmetros de avaliação:

Média final de Licenciatura em Antropologia (A)

Média final de Mestrado em Antropologia (B)

Experiência de pesquisa de campo em contextos árabes e islâmicos africanos e/ou norte africanos (C)

Domínio da língua (D)

Publicações e participação em congressos (E)

Carta de Motivação (F)

Peso relativo na avaliação final

A :10%

B: 10%

C: 40%

D: 10%

E: 10 %

F: 20%

Todos os parâmetros serão avaliados numa escala de zero a cinco valores.

Composição do Júri de Seleção:

Presidente: Cyril Isnart (UE-CIDEHUS)

1º Vogal efetivo: Maria Cardeira da Silva (FCSH-NOVA, CRIA-FCSH)

2º Vogal efetivo: Filomena Barros (UE-CIDEHUS)

1º Suplente: Antónia Fialho Conde (UE-CIDEHUS)

2º Suplente: Fernando Branco (UE-CIDEHUS)

Forma de publicitação/notificação dos resultados:

Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida afixada em local visível e público do CIDEHUS, no Palácio do Vimioso da Universidade de Évora, sendo o candidato(a) aprovado(a) notificado através de e-mail.

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: O concurso encontra-se aberto no período de 2 de dezembro de 2013 a 13 de Dezembro de 2013 e os resultados da seleção serão publicados até 2 de Janeiro de 2013.

As candidaturas devem ser formalizadas, obrigatoriamente, através do envio de carta de candidatura acompanhada dos seguintes documentos:

Curriculum Vitae, certificado de habilitações e carta de motivação.

As candidaturas deverão ser remetidas por correio ou e-mail para:

Cyril Isnart
CIDEHUS da Universidade de Évora
Palácio do Vimioso
Apartado 94
7002-554 Évora
e-mail: isnart@uevora.pt

 

Communication: Recycling Catholic Memory in Rhodes

Sans titre
Archives of the Catholic church of Rhodes, C. Isnart, 2011

Cyril Isnart (CIDEHUS-Universidade de Evora)
Recycling Catholic memories in Rhodes: circulation of objects, alternative heritage devices and religious minority memory

The paper aims at describing the contemporary heritage activities of the Roman Catholic minority of the island of Rhodes. The community is inscribed in a multilayered context including mass tourism, Unesco World Heritage policies, multiconfessional coexistence, long-term Christian presence and Italian postcolonial revival. The Catholics are thus embedded in a singular relation to the different influences of the local history and daily deal with different modalities of preserving, safeguarding and displaying cultural heritage. I examine here the circulation and recycling of at work in the heritage agency of the Catholic Church and show how much these choices are determinate by the internal organization of the Church, by the relationships they build with the other confessions, by their role of host for the thousands Catholic tourists in summer and by the anteriority of their presence in the island. Focusing on the treatment of the liturgical objects, the restoration of their current worship places and claim on their former ones, the paper analyses reformulations, appropriations and circulations of the Catholic heritage agency patterns in Rhodes and disentangles the multiple memories they use to take place in the complex public space.

11th SIEF International Congress
University of Tartu, Estonia
June 30th – July 4th 2013

Panel 26: Mediation and circulation of cultural memory in identitary settings
Directed by Sonia Catrina and Cyril Isnart

Merap-Med

This the blog Merap-Med, a research programme funded by the Science and Technology Foundation in Portugal. The aim of the programme is to explore heritage-making processes carried out by religious communities in the Mediterranean from an ethnographic and comparative perspective. In order to renew the field of heritage and religious studies in that region, the programme will concentrate on the various ways in which religious identities are constructed and represented in such a multiconfessional context.